TRE-MS amplia usina fotovoltaica em seu prédio anexo

Com a ampliação para 25% da potência inicial, a usina passa a contar com 205 KWp

Com a ampliação para 25% da potência inicial, a usina passa a contar com 205 KWp

O novo módulo da usina fotovoltaica do Prédio Anexo do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), que abriga o Almoxarifado, Depósito de Urnas e Arquivo, entrou em operação nesta segunda-feira (22) após vistoria e aprovação dos técnicos da concessionária de energia local.

Com uma potência inicial de 164 KWp, o sistema de monitoramento registrou, entre fevereiro e novembro de 2021, mais de 175.000 KWh, o que equivale a uma economia superior a R$ 145.000,00 (considerando a tarifa atual de R$ 0,8379 por KWh). Com a ampliação para 25% da potência inicial, a usina passa a contar com 205 KWp, o que possibilita, ainda, mais ações relacionadas à sustentabilidade pela Justiça Eleitoral.

Além do prédio anexo à Secretaria do TRE-MS, há mais oito usinas em todo o estado, as quais estão localizadas nos municípios de Ribas do Rio Pardo, Paranaíba, Aparecida do Taboado, Chapadão do Sul, São Gabriel do Oeste, Nioaque e Brasilândia.

Mais economia

Está em andamento o processo licitatório para compra de equipamentos para instalação de mais 1.000 painéis solares e 25 inversores (com potência total de 450 KWp). A previsão é que as obras ocorram em 2022.

Últimas notícias postadas

Recentes